Cinta Queima Gordura Funciona? Veja o que dissemos!

Já imaginou contar com um acessório que elimina a gordura localizada? Já, não é mesmo? Por isso você está lendo este texto, para saber se a cinta queima gordura. Então, continue acompanhando! A seguir, contamos tudo o que você precisa saber sobre o acessório.

Muita gente adquire um modelador esperando que ele faça milagres, que ele mude a silhueta em apenas alguns dias. Muita gente também acha que a cinta queima gordura e que deve utilizá-la durante todo o dia. Mas existem vários mitos nestes sensos comuns. Então, antes de adquirir um modelador, é preciso desmistificá-los. Só assim você saberá exatamente o que esperar com o uso da cinta.

Para começar, é preciso destacar que um modelador tem dois efeitos. O primeiro deles é imediato. e acontece assim que o usuário veste a cinta. Logo que a peça é colocada no corpo, seu tecido compressor muda as células de gordura de lugar. Assim, o corpo se adapta ao formato da cinta e ganha uma nova silhueta. Só que, após a retirada do acessório, todas as células de gordura voltam, ao lugar original. Por isso, o corpo do indivíduo também volta à forma original.

Tudo isso muda com o uso frequente da cinta. Com a utilização diária da peça, as células de gordura são realocadas dia após dia. Assim, após certo tempo, elas se acostumam com sua nova localização, moldada de acordo com o formato da cinta. Por isso, elas não voltam ao lugar original com a retirada da cinta. Após algumas semanas, esse novo formato de silhueta se torna permanente.

Posso usar o modelador à noite?

O tempo indicado para o uso diário de uma cinta varia. Ainda assim, é comum que a sua indicação seja de permanecer com acessório por cerca de 8 horas todos os dias. Dessa forma, o corpo tem maior facilidade em se acostumar com seu novo formato.

Este tempo também pode ser ultrapassado, apesar dessa prática não ser recomendada. Isso porque, após um dia de uso, é interessante lavar a peça. A limpeza do acessório vai eliminar o suor e impurezas liberadas e acumuladas pelo corpo durante o dia. Caso esses componentes se acumulem poderão, com o tempo, causar incômodos e alergias na pele.

Além disso, os efeitos e uma cinta só são obtidos com o movimento do corpo. Durante o sono, o indivíduo permanece quase que imóvel. Assim, os efeitos do acessório são mínimos.

Porém, é importante destacar que o tecido elástico de um modelador não aperta. No dia a dia, ele não incomoda, não machuca, não provoca falta de ar. Seu único papel é comprimir levemente o corpo, para que a silhueta do indivíduo ganhe um novo formato. Essa compressão é obtida na medida, para que hajam bons resultados, mas com conforto.

O que acontece é que, para pessoas de sono mais agitado, mesmo essa leve pressão pode incomodar. Por isso, é importante dar um tempo de respiro ao organismo e voltar a utilizar o modelador apenas ao acordar.

É claro, também, que você pode optar por fazer testes e usar a cinta modeladora durante a noite. Se ela não afetar o seu sono, pode valer a pena utilizá-la também na hora de dormir. Neste caso, lembre-se de que é importante lavar o acessório de modo periódico, para que ele não provoque nenhuma alergia. Verifique o indicado pelo fabricante da peça.

Quais os efeitos de uma cinta modeladora?

1. Bem-estar do corpo

Como citado, o tecido elástico de um modelador realiza leve compressão da silhueta, de modo constante. Então, um dos primeiros efeitos desse acessório é a constante massagem que o corpo recebe. Por meio dela, o usuário se torna mais relaxado em seu cotidiano. Assim, o modelador melhora sua qualidade de vida.

2. Silhueta mais bonita

Um segundo efeito importante é a modificação da silhueta. Como explicamos nos tópicos anteriores, a cinta muda a silhueta do indivíduo. Quando seu uso é associado à prática física e alimentação saudável, ainda melhor. Isso porque, o corpo vai ganhar vários aliados em se tornar mais saudável e com belas curvas.

Vale destacar que é possível utilizar um modelador durante a prática de atividades físicas. Neste caso, porém, é fundamental optar pela peça específica para os esportes.

O modelador deste tipo é chamado de cinta fitness, e tem características para o cuidado do corpo durante a prática de esportes. Especialmente para o cuidado com a coluna, que merece atenção durante a prática física. Enquanto isso, a cinta modeladora comum é indicada apenas para o dia a dia.

3. Beleza da pele

Como terceiro efeito da cinta modeladora, podemos citar a melhora do visual da pele. Primeiro eliminando as estrias. Esse resultado ocorre porque a pressão contínua sobre a pele incentiva a melhora da sua circulação sanguínea. Com essa melhora, a derme obtém maior capacidade de se renovar. Com a sua renovação, as marcas na pele diminuem, ou mesmo desaparece,

As celulites do corpo também diminuem, ainda graças à melhora na circulação. Aqui, porém, a circulação promovida é a do sistema linfático, que elimina parte das impurezas do corpo. Entre essas impurezas, há as células de gordura acumulada. É este acúmulo que provoca o aspecto furadinho da pele.

Com a melhora da circulação, porém, parte da gordura localizada é levada ao sistema linfática e eliminada pelo corpo. Por isso, a derme ganha aspecto mais firme e bonito.

Para garantir esse efeito em diferentes locais, você pode adquirir diferentes modelos de modelador. Além da cinta abdominal, a YOGA oferece peças como bermudas, faixas e modeladores de corpo inteiro. Logo mais, falaremos sobre essas várias opções. Continue acompanhando!

Mas, se você já leu até aqui, ainda deve estar se perguntando: afinal, a cinta queima gordura? Responderemos a pergunta no próximo tópico.

Cinta queima gordura? Veja a seguir!

A única coisa que realmente queima gordura do corpo é a prática de atividades físicas. E não apenas atividades intensas, mas mesmo pequenos movimentos do dia a dia. Por meio deles, as células de gordura em todo o corpo são metabolizadas e transformadas em energia para o funcionamento do organismo. É isso que significa queimar as células de gordura: transformá-las em outra coisa, em energia.

As cintas modeladoras, por sua vez, não transformam as células adiposas em nada. Pelo contrário: o máximo que elas fazem é mudar a gordura de lugar, e também incentivar a sua eliminação pelo sistema linfático.

Isso significa que a cinta modeladora não queima gordura. Por isso é tão importante associar o seu uso à prática de atividades físicas. Deste modo, além de incentivar a eliminação das células, você vai metabolizá-las. O resultado será uma silhueta mais fina, em um espaço menor de tempo.

Mesmo que não queime gordura, a cinta tem ótimos efeitos para o corpo. Como já explicado, as células são levadas aos vasos linfáticos e posteriormente eliminadas pelo organismo. Assim, o corpo ganha uma nova silhueta, delineada pelo modelador.

Cinta modeladora faz perder peso?

Pensando em todos os aspectos citados, vale a pena dizer que o modelador não provoca a perda de peso. Em sua maioria, as células adiposas são realocadas na silhueta. Ou seja, as que estavam acumuladas no abdômen podem, por exemplo, ser melhor distribuídas pelas costas. Como não ficam localizadas em um só local, elas não provocam o aspecto mais “cheinho” do corpo.

Então, outra parcela dessas células é eliminada pelo sistema linfático. Só que essa parcela é pequena, e não é suficiente para afetar o peso do usuário. Para que o indivíduo perceba mudanças na balança, ele precisa se dedicar à prática física e a uma alimentação saudável.

O que a cinta modeladora faz, qualquer que seja seu modelo, é mudar as medidas do corpo. Assim, o usuário percebe alterações na fita métrica, além de em um visual mais curvilíneo.

Como cuidar da minha cinta modeladora?

Lavar um modelador costuma ser bastante simples, mas é preciso seguir as indicações do fabricante. Isso porque, as peças são produzidas com diferentes materiais, e cada um deles merece cuidado especial.

No caso dos acessórios YOGA, e de vários outros no mercado, este cuidado começa pelo uso de água fria e um sabonete específico. A peça deve ser esfregada levemente em toda a sua extensão, apenas com as mãos. Em seguida, é interessante deixá-la alguns minutos de molho, de acordo com o indicado na embalagem do sabonete.

Em um passo seguinte, a peça deve ser seca com a ajuda de uma toalha. O acessório não deve nunca ser torcido. Depois, ela deve secar em local fresco e arejado.

Para finalizar, é preciso colocar a peça seca em um saco plástico, e então levá-la à geladeira. Este processo vai garantir a reidratação das fibras do tecido, que foram distendidas pelo uso anterior.

Passo a passo para vestir um modelador

Na hora de vestir a sua cinta, o processo pode variar conforme o seu modelo. Ainda assim, o passo a passo é bastante simples. Ele só merece cuidado para que o tecido elástico não enrole. Se isso acontecer, seus efeitos ficarão aquém do esperado. Afinal, o corpo não receberá a compressão de modo uniforme. A seguir, indicamos o modo de vestir de dois modelos: o de corpo inteiro e a abdominal.

Modelador de corpo inteiro

  • Vista as pernas do modelador;
  • Abotoe os primeiros quatro colchetes da parte inferior;
  • Ajeite as costuras da peça. Os colchetes devem ficar posicionados na parte central do corpo, e as laterais da cinta nas laterais do corpo.
  • Continue o fechamento de todos os colchetes;
  • Verifique se as costuras estão posicionadas nos locais adequado;
  • Confira se o tecido não enrolou.

Cinta abdominal

  • Posicione a cinta na altura correta do abdômen, acima da cintura. Os colchetes devem ser posicionados na parte da frente do abdômen, e as laterais da cinta alinhadas com as laterais do corpo;
  • Vista a peça suavemente, sem esticar muito. Cuidado para não usar anéis, jóias e para não utilizar as unhas. Esses itens podem “machucar” o tecido e prejudicar seus efeitos;
  • Feche os colchetes da peça, no aperto adequado;
  • Confira se o tecido do modelador não enrolou.

Modelos de cinta modeladora

São vários os modelos de cinta modeladora disponíveis no mercado, para o cuidado com regiões diferentes do corpo. Na hora de escolher o mais vantajoso, vale a pena considerar quais são os seus objetivos. Depois, avalie se a peça será confortável ao seu dia a dia. A seguir, listamos 6 das opções com as quais você pode contar. Acompanhe!

1. Modelador de Corpo Inteiro Com Pernas

Um modelador de corpo inteiro cobre o tronco, o abdômen e as pernas. Ele pode vir em formato bermuda, atuando até as coxas do usuário, e também ir até os calcanhares. Na parte de cima, é comum que a peça seja semelhante a uma camiseta.

2. Modelador de Corpo Inteiro Sem Pernas

Já um modelador de corpo inteiro sem pernas cobre o tronco e o abdômen. Na parte de baixo, ela é semelhante a uma calcinha ou cueca. Enquanto isso, sua parte de cima é semelhante a uma camiseta.

3. Modelador Abdominal Sem Pernas

Um modela abdominal não é muito diferente dos anteriores. Neste caso, porém, ele cobre a partir do abdômen do usuário, e depois tem sua parte semelhante a uma calcinha ou cueca. A opção pode ser mais interessante para quem se preocupa mais com a barriga pronunciada.

4. Modelador Abdominal Com Pernas

Enquanto isso, o modelador abdominal com pernas cobre do abdômen até as coxas do indivíduo. Ou seja, sua parte de baixo é semelhante à uma bermuda.

5. Faixa Abdominal

Para quem deseja cobrir apenas o abdômen, há a faixa abdominal. Essa é a peça normalmente conhecida como cinta modeladora, já que é a mais básica. Além de mudar a silhueta, essa peça ajuda a manter a coluna na posição correta. Assim, ficam prevenidas problemas de saúde na região e dores na lombar.

6. Cinta Fitness

Por fim, há a cinta fitness. A opção tem o mesmo formato de uma faixa abdominal, mas deve ser utilizada durante a prática física. Sua configuração é ideal para ajudar os músculos a se fortalecerem, mas sem causar nenhum incômodo pelo esforço intenso.

Agora você já sabe tudo o que precisa: se a cinta queima gordura ou não, seu modo de usar, indicações e cuidados. Escolha o seu modelo do acessório e comece a aproveitar dos seus benefícios! Na loja da YOGA, você pode encontrar a opção ideal para o seu corpo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×