Como Usar Cinta Modeladora?

Com dúvidas sobre como usar cinta modeladora? Então você veio ao texto certo! A seguir, explicamos o passo a passo para vestir a peça, e também várias informações importantes sobre os modeladores. Acompanhe e descubra!

Saber como usar cinta modeladora é algo essencial para os efeitos proporcionados pela peça. Afinal, de que adiantaria vesti-la torta, ou mesmo enrolada? O tecido de uma cinta é elástico, e precisa ser corretamente posicionado no corpo.

No tópico a seguir, explicaremos os passos a passos para vestir diferentes tipos de cinta. Antes de tudo, porém, é preciso destacar uma necessidade: tempo. Programe-se para vestir o modelador pelas manhãs, ou em qualquer outro horário. Tentar colocá-lo sem o cuidado adequado pode deixá-lo torno, ou mesmo rasgar a peça.

O seu corpo também precisa se habituar ao modelador, o que dificilmente acontecerá se ele for mal vestido. Além disso, é preciso manter a regularidade no tratamento. Logo mais, você saberá o porquê.

Saiba como usar cinta modeladora

Na hora de vestir um modelador, é importante seguir as instruções especificadas pelo fabricante da peça. Ao mesmo tempo, é essencial que o acessório seja do tamanho ideal ao seu corpo. Uma cinta adequada não aperta. Na verdade, ela apenas comprime o corpo, com uma leve pressão. Se o aperto sentido for intenso e desconfortável, é sinal de que o modelador foi adquirido no tamanho inadequado. Vale trocá-lo pela peça correta.

Vestir a cinta costuma ser bastante simples. Veja, a seguir, o passo a passo de como usar cinta modeladora do modelo bermuda ou de corpo inteiro.

  • Vista as pernas do modelador;
  • Abotoe os primeiros quatro colchetes da parte inferior;
  • Ajeite as costuras da peça, posicionando-as nas laterais do corpo;
  • Continue o fechamento de todos os colchetes;
  • Verifique se as costuras estão posicionadas nos locais adequados, e corrija-as, se necessário.

Agora, se a sua cinta for abdominal e com colchetes, o cuidado para vesti-la precisará ser um pouco maior.

  • Posicione a cinta na altura correta do abdômen, acima da cintura e com as laterais da peça posicionadas adequadamente nas laterais do corpo;
  • Vista a peça suavemente, sem esticar muito e sem puxar com as unhas. Nessa hora, evite usar anéis ou outras joias;
  • Feche os colchetes da peça, no aperto adequado. No começo do tratamento com o modelador, é indicado manter um aperto leve no corpo. Com o tempo, porém, esse aperto poderá ir aumentando, aos poucos. Será preciso, apenas, mudar a linha de colchetes para fechamento. Se a sua peça for um espartilho, esse aperto poderá ser feito por meio dos cordões da peça;
  • Tenha certeza de que o tecido do modelador não enrolou, e de que as laterais da peça estão posicionadas nas laterais do corpo.

Veja o Vídeo:

Dicas para usar cinta modeladora

Mesmo cheia de benefícios, uma cinta modeladora deve sempre ser usada com cuidado. O indicado é manter a peça no corpo por até 8 horas, o que não elimina a possibilidade de que mais algumas horas sejam adicionadas por dia.

Outra dica importante é exercitar os músculos da barriga. Especialmente se você utiliza um modelador abdominal. Esse cuidado dá à região abdominal maior força, evitando que eles se tornem fracos ou flácidos.

Ao mesmo tempo, o exercício físico ajuda a queimar as células de gordura reposicionadas pelo modelador. Isso potencializa a definição da sua silhueta, deixando-a ainda mais bonita. São indicadas atividades como o bambolê, abdominais e o boxe. Durante a prática física, você pode utilizar uma cinta fitness. A peça dá um up no efeito dos esportes.

Também vale a pena potencializar o tratamento para a silhueta com uma massagem modeladora e com géis redutores. Assim como os modeladores fazem, as opções “incentivam” as células de gordura a irem para os vasos linfáticos. De lá, elas serão eliminadas do corpo.

Quais as indicações de um modelador?

Uma cinta modeladora pode ter diferentes benefícios para o corpo feminino e masculino. Por isso, o mercado oferece tantos modelos. No site da YOGA, por exemplo, você pode encontrar acessórios ideais para a prática de atividades físicas, para o dia a dia ou para mulheres grávidas. Acompanhe as indicações de uma cinta nos próximos tópicos.

Para reduzir as medidas do corpo

Sem dúvida, um dos resultados mais desejados de uma cinta modeladora é diminuir as medidas da silhueta, principalmente do abdômen. A peça proporciona este benefício graças ao seu tecido. Elástico, o material promove pressão contínua sobre a área coberta pelo modelador. Essa pressão faz com que as células de gordura mudem de lugar, sendo posicionadas em um novo espaço do corpo.

Imagine que você tem gordura acumulada na barriga, e resolve usar um modelador abdominal. O tecido da peça, então, vai mover as células da barriga, espalhando-a pelo restante da silhueta. Algumas delas podem, por exemplo, ir parar nas costas. Porém, como são muito bem distribuídas, elas não marcam. O resultado é uma silhueta mais “chapada” e atraente.

Todo esse efeito é garantido de dois modos: um temporário e um permanente. O primeiro acontece assim que usuário veste a cinta. As células mudam de lugar instantaneamente, e dão ao indivíduo uma aparência diferente. Porém, assim que o modelador é retirado, todas as células voltam ao lugar.

Já o  efeito permanente é garantido com o uso contínuo da peça. Com o uso da cinta, as células de gordura são sempre posicionadas em um mesmo local. Então, elas se “acostumam” com sua nova posição. Após certo tempo nessa configuração, dia após dia, elas não voltam mais ao seu local original após a retirada do modelador. O benefício é uma silhueta mais fina e com medidas menores, mesmo que o usuário não vista mais o modelador.

Melhora da postura

A leve pressão promovida pelo tecido de uma cinta ajuda a manter a boa postura da coluna. Isso acontece porque, ao manter o corpo torto, o usuário é “lembrado”, por uma pressão pouco mais intensa, de que deveria corrigir a sua posição. Assim, ficam prevenidos problemas como dores na lombar e até a hérnia de disco.

Relaxamento do corpo

Novamente, um efeito garantido pela leve compressão que a cinta proporciona. A pressão oferecida pela peça funciona como uma massagem constante. Isso pode deixar o corpo mais relaxado no dia a dia.

Cuidados pós-cirúrgicos

Uma cinta pós-cirúrgica oferece vários benefícios. Primeiro, ela diminui o impacto dos movimentos sobre a área operada. Depois, a peça ajuda a manter a pele protegida e firme, facilitando sua cicatrização.

Cintas são indicadas para os cuidados após cirurgias na coluna ou órgãos abdominais. Também são ideais para o pós-operatório de cirurgias plásticas, como a lipoaspiração e abdominoplastia. Neste caso, elas podem tornar o resultado estético ainda mais atraente.

Quais os tipos de cinta modeladora?

São vários os modelos de cinta modeladoras disponíveis no mercado. Cada um deles pode cuidar de uma parte diferente do corpo, tornando todo ele mais curvo e bonito. Veja a seguir.

Body modelador

Um body nada mais é do que uma peça parecida com um maiô, mas que tem como objetivo modelar o corpo. Muitas vezes, a pele possui bojo nos seios, o que também pode modelá-los e manter uma boa sustentação do busto.

Cinta abdominal

Modeladores abdominais são os mais comuns do mercado. Como seu nome sugere, a peça cobre a região do abdômen, incluindo barriga e lombar, e ajuda a criar uma “cintura violão”. Este tipo de cinta fica perfeito com qualquer roupa que faça parte do seu guarda-roupa: calça, blusa, vestido, macaquinho ou o que você desejar.

Bermuda modeladora

Bermudas modelam as pernas até as coxas, ou mesmo até os pés. Tudo depende do modelo adquirido pelo usuário. Também é comum que a peça cubra o abdômen, realizando um tratamento em toda parte inferior do corpo. Mais do que disfarçar as medidas, a cinta pode diminuí-las permanentemente após certo tempo de uso.

Outro efeito muito interessante da peça é que ela trabalha no combate de estrias e celulites. Aliás, todo modelador tem esse potencial. Porém, o resultado é mais comum na parte inferior do corpo, pois esses incômodos estéticos são mais recorrentes nesta região.

O que acontece é que o tecido elástico de um modelador promove a melhor circulação sanguínea da pele. Dessa forma, a derme é estimulada a se renovar, eliminando as estrias. Já as celulites são diminuídas porque a gordura acumulada é direcionada aos vasos linfáticos, tornando a pele mais firme.

Camisete

Um camisete cobre o tronco, e é uma das peças mais fáceis de vestir. No entanto, é necessário um cuidado maior no dia a dia, para que a peça não enrole.

Cinta para gestante

Cintas para gestantes têm como objetivo principal ajudar a mulher a manter a postura durante a gravidez. Afinal, o peso aumenta, e cuidar da coluna se torna mais difícil. Além disso, a pele é estimulada, e ficam prevenidas estrias e celulites. Cintas desse tipo se adaptam ao corpo a medida que a barriga da futura mamãe cresce.

Agora você já sabe como usar cinta modeladora e muito mais! Quer comprar ou saber mais sobre os modelos da peça? Acesse a loja da YOGA e encontre o acessório perfeito para você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×